Área Médica
Atendimento online via chat exclusivo para médicos
Fale Conosco
Rua Santa Clara, 240
Sorocaba/SP
TEL: (15) 3233-7925 / 3231-1614
contato@arteformulas.com.br

Dicas de Saúde

Benefícios do Açafrão

O que é açafrão?

O açafrão é derivado dos estigmas das flores da planta Crocus sativus. Historicamente, é cultivado há mais de 3.500 anos por várias civilizações. 

Uma curiosidade é que o açafrão sempre foi reconhecido como uma das especiarias mais caras do mundo. Isso porque cada flor possui somente três estigmas, sendo que, para se obter 1kg da especiaria, estima-se que são necessárias 75 mil flores. 

Ainda, os estigmas são separados manualmente e secos em pequenas quantidades. Desta forma, perdem 80% do seu peso, além de concentrarem sabor e aroma.

Para que serve o açafrão?

O açafrão é usado na culinária, mas também apresenta propriedades funcionais para o nosso organismo.

Primeiramente, na cozinha, é um tempero bem difundido pelo mundo. Como exemplo, na Europa o açafrão é usado na paella valenciana. Já na Índia, alguns doces são preparados com a especiaria, bem como manteiga e vários pratos à base de arroz, podendo ser combinado a folhas de louro, canela, cravo, cardamomo, anis-estrelado ou noz-moscada. No Irã, o açafrão é usado em conjunto com a hortelã. Ainda, no golfo árabe, é associado a especiarias picantes.

Propriedades funcionais do açafrão

Estudos indicam que as propriedades encontradas no açafrão são atribuídas em especial aos carotenoides com ação antioxidante: crocina e safranal. Neste contexto, o açafrão vem mostrando efeitos positivos em aplicações ainda mais abrangentes, incluindo:

  • antidepressivas e anticonvulsivantes;
  • analgésicas;
  • anticâncer;
  • efeitos terapêuticos para o sistema cardiovascular, imunológico, visual, respiratório, geniturinário e nervoso central;
  • ação terapêutica nas desordens digestivas. 

Quais os benefícios do açafrão para a saúde?

Cérebro: efeitos positivos no hipocampo, neuroprotetor e potencializador da memória.

Doenças neurológicas: ações ansiolíticas e relaxantes. Algumas pesquisas clínicas mostram que pacientes com demência e provável doença de Alzheimer apresentam resultados cognitivos e clínicos significativos com o uso de açafrão.

Dependência química: redução dos sintomas de abstinência de morfina.

Sistema cardiovascular: protege contra infarto do miocárdio; cardiotoxicidade; arteriosclerose e hipertensão.

Sistema imune: atua contra doenças infecciosas, efeitos antifúngicos, analgésico e anti-inflamatório. Reduz o desconforto abdominal de bebês.

Sistema urinário e genital: aumenta a latência da ejaculação e distúrbios da ereção. Também atua na síndrome pré-menstrual (TPM) e melhora a função renal.

Olhos: efeitos para a lacrimação, visão deficiente, cegueira diurna, doença da córnea e catarata. Aumenta o fluxo sanguíneo na coroide e ajuda a proteger as células fotorreceptoras de luzes azuis e brancas.

Saciedade: um estudo demonstrou redução de peso e frequência na ingestão de guloseimas.

Câncer: efeitos anticancerígenos, como quimioprotetor, antimutagênico, antiproliferativo.

Diabetes: melhora a resistência à insulina e o aumento da captação e oxidação das gorduras.

Fígado: apresenta efeitos hepatoprotetores.

 Fonte: https://www.essentialnutrition.com.br/conteudos/acafrao/